Bananas Is My Business

Um passeio pelo dial do tempo. Assim se poderia definir a trilha sonora de “Bananas Is My Business”, a nova montagem da Malma Companhia de Dança, que sobe ao palco com um elenco de oito bailarinos, trazendo coreografias assinadas pelo coreógrafo carioca Rafael Gomes e direção artística de Alex Lassakoski. O espetáculo reúne melodias brasileiras consagradas pelo gosto popular, em suas gravações originais. Sobre a voz e as melodias de Carmen Miranda, Cauby Peixoto, Emilinha Borba, Gilberto Alves, Marlene e Noel Rosa – com um deslizar especial e intencional pelo timbre inesquecível de Elvis Presley – a montagem lembra o passeio de um ouvinte pelo rádio das décadas de 30 a 60. Tudo é música, porque tudo é dança e tudo é arte. Não faltam anúncios, futebol e poesia, porque a coreografia de Rafael mais se debruça sobre a cacofonia do movimento, a dinâmica das multidões do que sobre a linguagem estereotipada do conjunto cênico. Na contínua perda e redescoberta do equilíbrio, na fluidez dos movimentos, o coreógrafo leva a Malma por um itinerário cênico que retoma e joga com referências da identidade nacional, o tempo todo. É a fluidez da dança sobre a trilha sonora de um Brasil que não existe mais.

Simone Saueressig.

 

coreografia: RAFAEL GOMES
direção artística: ALEX LASSAKOSKI
trilha sonora: LUAN FERNANDES
iluminação: ANDERSON ZANG
assistente de produção: CLEITON FISCHER
figurinos: CAMILA NAUD E ELOI MIRANDA
fotografia: DIOGO MASCARENHAS